CALIFÓRNIA
DocumentosPlanejamento

Como tirar visto americano?

19 Mins de leitura

O planejamento de uma viagem para os EUA, do zero, tem muitos detalhes. Mas uma parte que tira o sono de muita gente é a aprovação do visto. 😵

Afinal, sem ele você não vai conseguir pisar em solo americano, independente de qual estado quer visitar.

Eu já aviso que é bem tranquilo, tirando a parte da burocracia e dos documentos, não tem com o que se preocupar. 🙆🏾‍♂️

Se você está nessa fase dos preparativos, deve ter várias dúvidas sobre o visto. Para responder essas questões e te ajudar na hora de tirar seu visto americano, vou explicar tudo o que você vai precisar.

Além disso, vou dar algumas dicas para se sair bem na hora da entrevista e responder outras dúvidas que muitos viajantes de primeira viagem têm. Vem comigo!

Se preferir, vá direto ao ponto


🤔 O que conferir antes de tirar o visto americano?

Antes de tudo, alguns documentos já tem que estar em mãos pra começar o processo de pedido do visto. 

O mais importante deles é o passaporte. Sim, tem que tirar ele antes! Caso você ainda não tenha, considere esse o primeiro passo. 

Aqui tem um post que eu fiz explicando direitinho como solicitar o passaporte, é só seguir as dicas. 😉

Passaporte em mãos? Agora é só pegar os outros documentos necessários para tirar o visto. Vou explicar melhor sobre cada um deles, dá uma olhada.

✓ Documentos necessários para emitir o visto americano

Depois de garantir o passaporte, a primeira coisa que você vai fazer é entrar no site do Consulado Americano e preencher o formulário DS-160. Imprima o documento e anote o número do Application ID, vai precisar depois.

Feito isso, já dá pra agendar a pré-entrevista no CASV, que é o Centro de Atendimento ao Solicitante de Visto, e logo depois a entrevista no consulado ou embaixada.

Pode ficar sossegado que vou explicar com detalhes daqui a pouco. Mas, pra essas primeiras etapas, confira os documentos que eu precisei.

Documentos para a pré-entrevista no CASV:

  • Passaporte
  • Guia de agendamento (que nada mais é do que o comprovante de pagamento)
  • Formulário DS-160 preenchido 

Documentos para a entrevista no Consulado:


Alguns documentos são obrigatórios para apresentar e outros que são importantes levar, porém não é certeza que vão pedir. 

Documentos obrigatórios:

  • Passaporte atual (se tiver anteriores, leve também);
  • Guia do agendamento;
  • Formulário DS-160 preenchido;
  • Uma foto de acordo com as especificações do Departamento de EUA (já vou explicar como funciona).

O site da embaixada e do consulado não tem uma lista de documentos pra comprovar os laços fora dos Estados Unidos.

Mas, pra aprovarem seu visto, eles precisam ter a garantia que você não está com a intenção de morar nos EUA (no caso do visto de turismo).

Então para ganhar pontos e facilitar a aprovação de seu visto, recomendo levar outros documentos para comprovação, como:  

  • Bens comprovados no Brasil em seu nome (casa, carro, investimentos etc); 
  • Carteira de trabalho assinada ou contrato social da empresa em que tem participação; 
  • Declaração de Imposto de Renda atual (com recibo de entrega);
  • Leve pelo menos os 3 últimos extratos bancários da sua conta (ou de quem irá pagar a viagem);
  • Leve pelo menos os 3 últimos recebimentos mensais (holerites, contracheque, pró-labore ou decore)
  • Caso seja estudante, documentos que comprovem isso, como matrícula, histórico escolar, diploma, carteirinha;
  • Caso esteja trabalhando, documentos que comprovam isso, como carteira de trabalho, carta do empregador, contrato social ou carteira de identidade profissional;
  • Documentos que comprove a sua hospedagem nos EUA;
  • Carta de custeio (caso alguém vá pagar a viagem para você).

O cônsul precisa sentir segurança nas condições da sua viagem. Caso seja um terceiro que irá bancar, é bom ter comprovação. 

Se for com algum familiar e a pessoa já tiver o passaporte com visto, leve. Isso pode ajudar na sua aprovação. 

✓ Como fazer uma carta de custeio para tirar visto americano? 

Os documentos que a gente leva pra entrevista são importantes pra mostrar que temos uma renda pra custear a viagem e que não temos a intenção de ficar nos EUA.

Então, se você não tem comprovação de renda ou se outra pessoa está pagando sua viagem, é uma boa levar uma carta de custeio que comprove isso.

Ela precisa ser escrita pela pessoa que está custeando a sua viagem (se for uma empresa, use papel timbrado). Além disso, precisa ter firma reconhecida no cartório. A carta deve ser em português.

Além da carta, leve alguns documentos do custeador, que são: 

  • Passaporte com visto americano (caso tenha)
  • Cópia do RG ou CNH (quando não tiver o passaporte)
  • Documento que comprove a renda (por exemplo Declaração de Imposto de Renda ou extratos bancários dos últimos 3 meses). 
  • Se for uma empresa custeando, levar comprovação de renda dela

✓ Requisitos para a fotografia do visto americano

Muita gente tem medo dessa hora, né? É normal ficar com dúvidas na hora de tirar a foto, porque são muitas regrinhas. 

Mas pra você não errar na imagem, ficam aqui as regras se acordo com o site da Embaixada e Consulado dos EUA no Brasil, confira:

  • Deve ter sido tirada nos últimos seis meses;
  • O tamanho deve ser de 5cm x 5cm, com a cabeça centralizada;
  • A cabeça (medida do topo do cabelo até embaixo do queixo) deve medir de 2,5cm a 3,5cm com a linha dos olhos entre 2,8 cm e 3,5 cm do limite inferior da foto;
  • As fotos podem conter uma margem branca pequena (de cerca de 0,5cm);
  • É necessário que seja colorida com fundo branco ou cinza claro (fotos com fundo poluído, estampado ou escuro não serão aceitas);
  • Não ser montada em moldura, com o rosto inteiro ocupando cerca de 50% da área da fotografia. 
  • Em geral a cabeça do solicitante, incluindo o rosto e o cabelo, devem ser mostrados do alto da cabeça até abaixo do queixo e das linhas do cabelo de lado a lado. É preferível que as orelhas estejam visíveis.
  • Foto com chapéus ou lenços na cabeça só serão aceitos por motivos religiosos e, mesmo assim, não podem cobrir nenhuma parte do rosto (se na foto estiver com  chapéus militares ou profissionais também não será válida).
  • De modo geral você deve ter em mente que não pode haver nenhum objeto que cubra o seu rosto, até mesmo óculos de grau. 

Muita gente me pergunta se tem como tirar foto digital para visto americano. Até tem, mas você tem que levar a foto impressa no CASV e no consulado. 

Alguns tipos de visto permitem a foto digital, mas não é o caso do visto para turismo (B-2), ok?!  

Se quiser saber mais informações sobre a fotografia, você pode acessar a página de Requisitos de Fotos Digitais (conteúdo em inglês).

🏛 Onde solicitar o visto americano?

A maior parte do processo, tirando as entrevistas, é feita pela internet. Primeiro, é só pedir o agendamento para o visto de não-imigrante nos EUA.

Depois, crie uma conta usando o número da página de confirmação do seu formulário DS-160. Selecione o local onde deseja receber seu passaporte com o visto.

Feito isso, é só pagar a taxa do visto, chamada de MRV. Se solicitar o visto A ou G, não precisa. 

Ah, e se pagar por boleto, tem que esperar a confirmação do pagamento, normalmente demora um ou dois dias úteis.

Por último, agende a sua visita ao CASV e sua entrevista no Consulado, caso seja necessária.

🤔 Quais são os tipos de vistos emitidos para entrar nos EUA?

Já vou avisando que são mais de 100 tipos. Pois é! Eu entendo a confusão que pode acontecer na hora de solicitar o visto. São muitas opções! 🙃

Na hora de escolher o visto, é bom prestar atenção, porque se você tirar o tipo errado, vai acabar barrado na imigração. Isso acontece mesmo, tá?

O mais comum pra quem vai viajar é o visto de turismo, o B2, mas existem muitos outros além dele, cada um para uma função diferente. Dá uma olhada:

  • B1 – negócios
  • B2 – turismo
  • C – de trânsito
  • D – tripulantes
  • E– investidor/comerciante
  • F – estudante acadêmico
  • H – para trainees e trabalhos temporários
  • I – representantes de meios de comunicação
  • J – intercâmbio
  • K – visto de noivo/noiva de cidadãos norte-americanos
  • L – para transferências de uma mesma empresa
  • M – estudante vocacional
  • O – para cidadãos estrangeiros com habilidades extraordinárias
  • P – para atletas, artistas e outros profissionais do entretenimento
  • Q – para programas internacionais de intercâmbio cultural
  • R – para profissionais religiosos

Esses são os vistos mais comuns, porém existem outros. Se o que você está procurando não ficou na lista, confira o site oficial da Embaixada Americana.

✓ Visto de turista (B2)

Achei importante incluir aqui algumas informações mais específicas sobre o visto de turista, que é o mais comum.

Pra tirar, você precisa preencher o formulário DS-160 (disponível no site oficial do departamento), pagar a taxa de US$160 e marcar as visitas ao Centro de Atendimento ao Solicitante de Visto (CASV) e ao consulado. 😉

É um visto relativamente fácil de conseguir. Você só precisa mostrar que tem motivos pra voltar ao Brasil depois da viagem, com comprovantes de renda, trabalho, estudo, filhos, etc.

Esse visto dura 10 anos, e te garante um tempo de 6 meses de permanência contínua nos EUA. Ou seja, passado esse tempo, você está ilegal — e corre enorme risco de ser deportado.

Fique ligado: o visto B2 não permite estudar ou trabalhar nos EUA, só pra pequenos cursos sem certificado e com poucas horas de duração, ok?

🤑 Quanto custa tirar um visto americano?

O visto americano, assim como o passaporte, é pago. Pra solicitar, você precisa pagar uma taxa ao governo dos EUA.

Essa taxa varia de acordo com o tipo de visto, mas começa em 160 dólares, pelo visto de turista. Vou deixar uma listinha com os preços:

160 dólares:

  • B1 – negócios
  • B2 – turismo
  • C – de trânsito
  • D – tripulantes
  • F – estudante acadêmico
  • J – intercâmbio
  • I – representantes de meios de comunicação
  • M – estudante vocacional

190 dólares:

  • H – para trainees e trabalhos temporários
  • L – para transferências de uma mesma empresa
  • O – para cidadãos estrangeiros com habilidades extraordinárias
  • P – para atletas, artistas e outros profissionais do entretenimento
  • Q – para programas internacionais de intercâmbio cultural
  • R – para profissionais religiosos

205 dólares:

  • E– investidor/comerciante

 240 dólares:

  • K – visto de noivo/noiva de cidadãos norte-americanos

✓ Como tirar visto americano para estudante?

Vai estudar nos EUA? O visto de turista não vale pra isso, tem que ser um específico, os tipos F ou M, depende do curso.

Mas já aviso, o visto de estudante demora mais pra ser tirado. A minha dica para quem vai tirar esse visto é se programar com antecedência.

Antes de tudo, precisa ser aceito por alguma instituição de ensino. Se for fazer um curso acadêmico (faculdade, pós, etc.), aplique para o visto F-1.

Agora, se for outro tipo de curso, como os profissionalizantes, você tem que solicitar o visto M-1. Além do DS-160, nesse caso, vai ter que preencher o I-20 também.

Dependendo da instituição, vai precisar pagar a taxa SEVIS. Indico confirmar sempre com o setor de estudantes estrangeiros pra ter certeza.

Depois de pagar tudo, é só se inscrever no site de solicitação de vistos da embaixada dos EUA no Brasil e seguir os passos indicados. Vá acompanhando tudo pelo site ou por e-mail até receber a confirmação.

✓ Como tirar visto americano de investidor?

O visto de investidor é muito solicitado por brasileiros que tem o interesse em conseguir o green card para trabalhar no país. 

Ele é o EB-5 e foi criado pra aumentar os investimentos na economia dos Estados Unidos. Mas olha, tem que investir mesmo

Pra poder tirar esse visto é preciso investir uma certa quantia em uma empresa que já exista, ou abrir um negócio nos EUA. 

As exigências são desembolsar cerca de U$900 mil em algum setor de crise americano ou U$1,8 milhão, caso vá abrir uma empresa nos EUA. Tem que gerar pelo menos 10 empregos em dois anos.

Para conferir o passo a passo, veja no site do consulado

✓ Como tirar visto americano de turista?

O visto de turista é o B-2. Ele é do tipo não-imigrante, que significa que você pode ficar um tempo nos EUA (6 meses), mas não pode morar ou trabalhar no país.

Para tirar esse visto não tem segredo, é só preencher os formulários corretamente, levar os documentos e manter a calma na hora da entrevista, que é o mais complicado. 😂

Vou te contar o passo a passo pra tirar o visto de turista. Depois de tudo certo, é só arrumar as malas e partir pros EUA.

✅ Passo a passo para tirar o visto americano

Tem um passaporte? Já viu se a validade dele está em dia? Então ótimo, vamos começar! Acesse o site do Consulado Americano para escolher o tipo do visto que deseja. 

Para a o visto americano, todos os solicitantes, inclusive crianças e bebês listados no passaporte dos pais, devem: 

  1. Preencher todos os campos do Formulário Online DS-160; 
  2. Pagar a taxa de solicitação do visto; 
  3. Fornecer uma foto de acordo com as especificações do Departamento dos EUA

Vou explicar melhor cada um desses pontos, ok? Mas antes, confira algumas dicas para evitar problemas durante a solicitação do visto: 

Brasileiros: o passaporte tem que estar válido durante todo o período da viagem. 

Estrangeiros: o passaporte tem que estar válido por, no mínimo, seis meses além do período de permanência nos EUA – a menos que seu país seja isento desse requerimento. 

Se o seu passaporte estiver danificado, com algum rasgo ou amassado, eu recomendo tirar um novo antes da solicitação do visto americano pra evitar qualquer atraso.

✓ Preenchimento do formulário DS-160

Muita gente contrata despachante pra preencher o formulário. Eu vou te falar a real: acho bobagem! 

Preencher o DS-160 é super simples, só precisa prestar atenção. Se tiver dificuldade com o inglês, aqui vai uma dica.

No topo da página, escolha a versão Português (Portuguese). Quando você passar o mouse nas frases, elas automaticamente serão traduzidas. Prontinho! 🤩

Selecione:                                                                                    

Como tirar o visto americano

Exemplo:

Como preencher o DS-160

Algumas observações que podem te ajudar:

  • Tem como responder um DS-160 por pessoa, caso precise solicitar o visto americano para mais pessoas (filhos, marido/esposa).
  • Embaixo do formulário tem um botão para salvar o arquivo preenchido. Eu sempre salvo cada passo, pois evita erros e dá pra continuar posteriormente de onde parei.

✓ Pagamento da taxa

Depois de preencher o DS-160, vai ser gerado um boleto pra pagar e logo depois agendar a entrevista do CASV.

Pague assim que puder e leve o comprovante nas duas entrevistas, porque podem pedir pra confirmar.

Ah, e leve também o comprovante de agendamento. Melhor prevenir do que remediar, né? 😅

✓ Como agendar entrevista para tirar o visto americano

Já preencheu o DS-160 e pagou a taxa do visto? Chegou a hora do agendamento, entrega do passaporte e entrevista. 

É bom já se organizar, porque esse processo é feito em 2 dias:

  • O primeiro é um processo bem rápido no CASV. Vão pedir seu passaporte, todos os comprovantes, tirar uma foto e recolher suas digitais. Eu indico chegar uns 15/20 minutos antes. 
  • O segundo dia é a entrevista no Consulado Americano. Geralmente fica bem cheio, então chegue cedo. Eu recomendo não agendar para uma segunda ou sexta-feira. Mantenha a tranquilidade para evitar ansiedade. 🙂

Fique atento: marque a pré-entrevista no CASV antes da entrevista no consulado. Não tem como fazer as duas no mesmo dia, porque eles precisam subir seus dados e fotos no sistema.

✓ Como chegar até o CASV

A parte ruim do visto, é que se você mora em um lugar que não tem CASV, vai ter que viajar pra fazer a pré-entrevista. 😢

Então se programe pra chegar com um tempinho de antecedência, porque eu percebi que eles não têm uma tolerância muito grande com atraso.

Não esqueça de levar o seu passaporte válido, o formulário DS-160 impresso e o comprovante de pagamento da taxa do visto. 

Para a pré-entrevista você também pode levar aqueles documentos que comprovam a sua renda, bens, vínculos com o Brasil, etc. 

Provavelmente eles nem vão pedir, mas para desencargo de consciência, é bom levar, né?

Independente de qual unidade você for, não leve mochilas e bolsas porque não pode entrar com esses objetos. Eu cometi esse erro, tive que deixar em um guarda-volumes privado que ficava perto, me cobraram bem caro. 😥

Atualmente, tem CASV em Brasília, Rio de Janeiro, São Paulo, Recife e Porto Alegre. Aqui estão os endereços e rotas pra cada um deles:

Brasília: Venâncio 2000 SCS, Quadra 8, Bloco B, Sala 340, Setor Comercial Sul, Brasília, DF, CEP: 70333-900

Rio de Janeiro: Lagoa Corporate – R. Humaitá, 275, Loja A – Humaitá, Rio de Janeiro- RJ, CEP: 22261-001

Recife: Comercial Bandeira – Av. Herculano Bandeira, 949- Pina, Recife- PE, CEP: 51110-130

São Paulo: Av. José Maria Whitaker, 370- Vila Mariana, São Paulo- SP, CEP: 04057-000

Porto Alegre: Av. Assis Brasil, 1712 – Passo D’Areia, Porto Alegre- RS

✓ Entrevista para tirar o visto americano

Esse momento é que dá mais medo em algumas pessoas. Mas pode ficar tranquilo, mostrando os documentos e mantendo a calma, vai dar tudo certo!

A entrevista consular pode ser feita em São Paulo, Rio de Janeiro, Brasília, Porto Alegre ou Recife. Aqui em São Paulo o processo costuma ser um pouco mais demorado, porque são muitos pedidos. 😓

Pra te tranquilizar e preparar pro dia da entrevista, aqui vão algumas dicas pra evitar dor de cabeça e fazer tudo correr bem.

  • Não leve nenhum dispositivo eletrônico (celular, iPad, relógio), pois eles não guardam nada. Ou seja, você tem que escolher entre perder seu dia de entrevista ou perder algum item pessoal, se levar. 
  • Evite usar cintos, fivelas, sapatos com metal ou itens metálicos, porque vai passar por um detector de metais.
  • Use roupas adequadas, pois é importante que o cônsul sinta-se à vontade com você. É como se fosse uma entrevista de emprego, porém pelo guichê de cinema. 😂
  • No momento da entrevista é importante transparecer tranquilidade. Olhe nos olhos do cônsul e seja firmeza nas respostas. Esse comportamento passa segurança para o entrevistador.

Quando chegar o momento de sua entrevista, o cônsul já saberá um pouco sobre você. Até porque, ele tem em mãos o seu DS-160. É nesse momento que muitos pecam. 🤦🏾‍♂️

Como? Dando respostas diferentes das que estão no formulário. Isso mostra que a pessoa está mentindo, e ela vira quase “suspeita” pro cônsul.

É muito importante falar as mesmas informações do formulário, como o destino, onde irá se hospedar, entre outros detalhes.

Ainda tem um nervosismo por aí? Aqui vão algumas dicas para se sair bem durante a entrevista:

  • Não tente ser amigo do cônsul. Responda só o que for perguntado, não precisa falar muitos detalhes nem nada do tipo.
  • Não tente contar sua história de vida para o cônsul. Quanto mais informações, mais perguntas ele pode fazer.

Quem nunca fez esse tipo de entrevista normalmente fica ansioso pensando que tipo de perguntas vão ser feitas e como responder cada uma. 

Por isso, fiz uma listinha com algumas das perguntas mais comuns no dia da entrevista. É bom lembrar que cada caso é um caso, então pode ser que te façam algumas diferentes dessas, mas não deve fugir muito desse padrão.

  • Para onde você vai?
  • Vai sozinho(a) ou acompanhado(a)?
  • Você trabalha? O que faz?
  • Há quanto tempo trabalha com isso?
  • Você fala inglês? (CUIDADO! Se disser que sim, ele pode continuar sua entrevista em inglês.)

O que é necessário levar na entrevista?

Eu como bom prevenido, levei TODOS os documentos que comprovem o que eu coloquei no DS-160. 

Muitos deles, nem pediram. Mas como não dá pra prever, eu preferi ter tudo em mãos pra garantir.

Porém, o que você não pode deixar de levar de jeito nenhum são esses aqui:

  • Comprovante do pagamento das taxas;
  • Comprovante do agendamento;
  • DS-160 preenchido.

Como chegar nos consulados:

São Paulo: Rua Henri Dunant, 500, Chácara Santo Antônio

Brasília:  Avenida das Nações, Quadra 801, Lote 03, via L2

Recife: Rua Gonçalves Maia, 163, Bairro Boa Vista

Rio de Janeiro: Av. Presidente Wilson, 147 Castelo, (Entrada pela Rua Santa Luzia)

Porto Alegre: Av. Assis Brasil, 4320, Passo d’Areia

✓ Entrega do visto americano

Fiz a entrevista, e agora? Como sei se meu visto americano foi aprovado? 😬

Então, se o cônsul ficar com seu passaporte, pedir suas digitais e entregar um papel escrito “Welcome”, seu visto está APROVADO. Seu passaporte com visto vai chegar em até 10 dias, caso escolha receber em casa. 

Ou então você pode retirar no consulado ou no CASV no mesmo prazo. É só levar o protocolo no horário reservado para a entrega dos passaportes. Não precisa agendar, é só esperar na fila formada por horário de chegada.

Se tiver uma certa urgência na sua viagem, eu indico colocar pra retirar o passaporte no CASV ou no consulado. Isso, porque a gente nunca sabe quando os correios vão ter algum problema, e isso pode atrasar a chegada do visto.

Se o cônsul devolver seu passaporte, significa que o visto foi REPROVADO. 😞 Mas não precisa se preocupar, pode tentar de novo. Só pense bem se alguma informação do formulário estava diferente ou se você acabou demonstrando alguma intenção de morar nos EUA, por exemplo.

❓ Perguntas frequentes sobre a emissão do visto americano

Depois de tantas viagens que já fiz, percebi que muita gente tem dúvidas sobre como conseguir o visto americano.

Eu e toda minha família sempre conseguimos tirar o visto tranquilamente, seguindo os mesmos passos que coloquei aqui no post. Sem dores de cabeça. 🙌🏾

Pra te ajudar, se nunca teve experiência ou quer saber como tirar pela segunda vez, separei as perguntas mais frequentes que recebo sobre o visto. Se a sua dúvida não estiver aqui, é só deixar nos comentários que eu respondo, beleza?

✓ Tenho que fazer uma entrevista pra tirar o visto americano?

Sim, a grande maioria das pessoas tem que passar pela entrevista. Algumas são isentas, como crianças muito pequenas ou brasileiros que já possuem visto válido. 

✓ Criança precisa de visto americano?

Sim, todas as pessoas precisam, independente da idade.

✓ Quais as chances do meu visto ser negado?

Se você não utilizar os documentos originais, falhar em comprovar vínculos com o Brasil ou se contradisser na entrevista, as chances são bem altas. Os entrevistadores só querem saber que você tem motivos pra voltar pro Brasil.

✓ Preciso ter a passagem comprada pra tirar o visto?

Não. É recomendado que você aguarde o visto antes de comprar as passagens ou marcar sua viagem.

✓ Posso fazer o atendimento no CASV e no Consulado no mesmo dia?

Sim, caso você esteja em uma cidade que possua os dois escritórios.

✓ Quais os documentos necessários para o visto?

Passaporte válido, página impressa do formulário DS-160 e recibo de pagamento da taxa de solicitação de visto. Na entrevista, leve comprovantes de vínculos com o Brasil.

✓ Preciso falar inglês pra tirar o visto americano?

Não, os funcionários da embaixada falam português também.

✓ Como tirar o visto americano para menor de 18 anos?

O processo é igualzinho ao visto para maiores. Começa com o preenchimento do formulário DS-160.

Depois, é só fazer o pagamento da taxa de solicitação de visto (MRV) e agendar a pré-entrevista no CASV.

A parte boa: se a criança tiver menos de 14 anos, não precisa estar presente na hora de ir ao CASV. É só levar:

  • Passaporte brasileiro do menor de idade que tenha validade de pelo menos 6 meses (leve também passaportes antigos, mesmo que estejam vencidos);
  • Comprovante de do pagamento da taxa do visto (MRV), página de confirmação da DS-160;
  • Foto 5X5cm ou 5X7cm com fundo branco, que tenha sido tirada nos últimos seis meses;
  • Cópia da certidão de nascimento do menor;
  • Se os pais tiverem um visto válido para os EUA, também é bom levar.

✓ Como tirar visto americano sendo autônomo?

Eu sempre bato nessa tecla de comprovar os vínculos empregatícios do Brasil pra facilitar na hora de tirar o visto. Mas e se você trabalhar como autônomo?

Mesmo sem carteira assinada ou contracheques, tem como comprovar com outras coisas.

A minha dica é: junte tudo que possa provar seu trabalho. Se a sua empresa é registrada, leve o registro do CNPJ, notas fiscais, extratos bancários, contratos de prestação de serviço, declaração do imposto de renda (se tiver), etc.

Mas, se o seu trabalho for informal e não tiver CNPJ, leve coisas como: extratos bancários, cartas de clientes, recibos, declaração de imposto de renda, etc.

Não esqueça de preencher o formulário DS-160 de acordo com a sua realidade, sem inventar.

Como não dá pra saber exatamente os documentos que o cônsul vai pedir, é importante levar tudo o que puder comprovar de alguma forma que você tem um trabalho no Brasil.

✓ Posso tirar o visto americano com o nome sujo?

Muita gente me pergunta se consegue tirar o visto com o nome sujo ou negativado no Serasa, SPC ou SCPC.

A resposta é sim! Nada disso impede que você seja aprovado para um visto americano, até porque, a Polícia Federal não faz nenhuma consulta sobre nomes negativados.

O que o consulado vai olhar é a sua renda, se tem condições financeiras para bancar a sua viagem e quais vínculos possui aqui no Brasil, só isso. 👏🏾

✓ Como tirar segunda via do visto americano?

Se você perdeu o seu passaporte ou ele foi roubado, a primeira coisa a se fazer é avisar imediatamente a Embaixada ou Consulado dos Estados Unidos.

É só seguir os passos indicados no site da embaixada e colocar todos os detalhes possíveis.

A notícia ruim é que, na verdade, não existe segunda via do visto americano. Não tem como substituir assim o passaporte. 😭

Sendo assim, você vai ter que seguir todo o procedimento de solicitação do visto de novo, no Consulado ou Embaixada dos Estados Unidos no Brasil.

✓ Qual o tempo de validade do visto americano?

O visto de turista, B-2, pode ter até 10 anos de validade. Mas, não é sempre que vai ter todo esse tempo.

Normalmente, o consulado dá 5 anos. Em alguns casos, pode dar até só alguns meses ou apenas o período da viagem. Depende da confiança que o cônsul tiver. 😶

Pra conferir qual a validade do seu visto, é só checar a data que fica no selo colado no passaporte. Fica na parte de “Expiration Date”.

✓ Como tirar visto americano quando é negado

É muito triste ter um visto negado, sempre vejo as pessoas bem frustradas com isso. Tem gente que até já compra as passagens antes de ter a aprovação do visto. 😮

Eu indico nunca fazer isso, porque pode ser negado e não conseguir o reembolso do vôo. Imagina a dor de cabeça?

Você pode tentar solicitar o visto logo depois da negação. Mesmo assim, as embaixadas e consulados falam pra esperar pelo menos 6 meses entre um pedido e outro.

Acho bom lembrar que existe um boato de que tem chances de te aprovarem se solicitar de novo em outro estado, mas não tem nenhuma prova disso.

Caso o seu visto tenha sido negado, é bom tentar descobrir o que levou a acontecer isso. Podem ser várias coisas.

Faltou algum documento? Perdeu algum prazo? Algum documento estava vencido ou ultrapassado? Os dados informados no formulário DS-160 e os documentos mostrados são diferentes?

Confira tudo de novo, veja se deixou passar algo que possa ter dado a impressão de que está se contradizendo.

As dicas dou para quem já teve o visto negado são:

  • Veja se solicitou o tipo de visto certo (B-2 para turismo);
  • Pesquise bem todas as etapas para tirar o visto (dá uma lida nesse post desde o começo);
  • Confira todos os documentos (certifique-se de que está levando tudo o que é solicitado);
  • Mostre para o cônsul o itinerário completo da sua viagem;
  • Demonstre confiança.

Agora você já sabe como tirar visto americano! Continue no blog para ler mais sobre viagens e me siga no Instagram @onegoviaja para mais dicas exclusivas. 😉


Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.