CALIFÓRNIA

O Nego News

Parada LGBTQ+ de San Diego será novamente virtual

1 Mins de leitura

A parada de Orgulho de San Diego será, pelo segundo ano consecutivo, virtual. Os organizadores do evento reconheceram que, apesar dos avanços nas vacinações, a crise sanitária ainda oferece riscos para população.

Em abril do ano passado, San Diego anunciou que cancelaria completamente a tradição das festividades devido a proibição estadual de grandes reuniões para conter a crise sanitária causada pela Covid-19. No entanto, um mês depois o discurso mudou e foi anunciada uma celebração virtual do Orgulho LGBTQ+, com oito dias que culminaria em um desfile virtual. 

Neste ano não será diferente, a Parada do Orgulho de San Diego — que foi apelidada de Pride Live — será realizada em 17 de julho em conjunto com eventos presenciais menores, de acordo com as regras de segurança do condado.

“Eu aprecio a resiliência e adaptabilidade da Parada do Orgulho de San Diego neste momento. É uma prova da força de nossa comunidade LGBTQ+ que, mesmo diante de obstáculos aparentemente intransponíveis, ainda pode encontrar maneiras de nos orgulhar e celebrar uns aos outros”, afirmou o Prefeito de San Diego, Todd Gloria.

Apesar da comemoração central no dia 17, a “Pride Live” deste ano terá oito dias e começará em 10 de julho, com o anual She Fest, e continuará até 18 de julho com vários eventos, incluindo o Spirit of Stonewall Rally e o Virtual Pride 5K

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *