CALIFÓRNIA

O Nego News

Governo da Califórnia faz loteria da vacina e anuncia planos para um modelo de “passaporte da vacina”

2 Mins de leitura

Em celebração do fim das restrições no Estado da Califórnia, o governador Gavin Newsom anunciou ontem (15) os vencedores da “loteria da vacina”, em evento realizado no Universal Studios Hollywood. No início do mês já havia sido feito outro sorteio, que premiou 15 californianos com US$ 50 mil cada. Dessa vez, os sorteados tiveram mais sorte com o prêmio. 

Os 10 vencedores de ontem receberam o prêmio de US$ 1,5 milhão, cada um. O sorteio foi realizado no mesmo dia em que o Estado comemora o fim das restrições, chegando à última fase do sistema de controle da pandemia do COVID-19 na Califórnia.

O programa Vax for the Win foi uma iniciativa do governo californiano, criada em maio de 2021, para incentivar que os residentes tomem a vacina contra COVID-19. A ação foi pensada para se encerrar no dia 15 de junho, e para participar bastava tomar a primeira dose da vacina. Porém, para ganhar o prêmio, era necessário estar completamente vacinado no dia do sorteio. 

No total, já foram US$ 50.000 a 30 vencedores e US$ 100 milhões distribuídos em cartões de compras de US$ 50 para os recém-vacinados. Na segunda-feira, Newsom também anunciou seis pacotes de férias como parte do programa.

Em dados atualizados, a Califórnia tem mais de 18 milhões de pessoas completamente imunizadas, e 3,7 milhões aguardam a segunda dose. 

Além da premiação, o governador Newsom também comentou à imprensa sobre a adoção de um programa de verificação de vacinação. O sistema, que está sendo popularmente chamado de “passaporte da vacina”, já está em funcionamento em Nova York e no Havaí, com sistemas distintos. 

Segundo Newsom, o sistema “não é um passaporte, não é um requisito, é apenas a capacidade agora de ter uma versão eletrônica dessa versão em papel”. Espera-se que o governo divulgue mais detalhes até o final desta semana. 

Esse sistema substituiria a necessidade de transportar os cartões de vacina, impressos em papel-cartão de 3 por 4 polegadas, que podem ser facilmente perdidos ou danificados. As autoridades da Califórnia afirmam que a inscrição no programa seria voluntária e que o estado não exige que as pessoas apresentem comprovante de vacinação para participar de atividades. Mas alguns empregadores e empresas podem exigir verificação para trabalhadores e clientes.

Foto: Paul Kitagaki Jr.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *